WELLINGTON REIS LANÇA CD COM MÚSICAS EM HOMENAGEM A SÃO PEDRO

No começo dos anos 2000, o cantor e compositor, Wellington Reis, ouviu de sua irmã Vera Lúcia (que atualmente mora em Brasília) que o Padre Haroldo (conhecido como padre boieiro) rezava uma das Missas do Novenário que antecedem os Festejos para São Pedro na Capela da Madre Deus com a ladainha de Nossa Senhora das Graças. Pelo fato, de não existir uma ladainha específica para São Pedro, Wellington Reis, compositor de intensa vivência cultural, foi tomado por uma enorme curiosidade ao saber que, logo ele, São Pedro, o discípulo que se tornou o primeiro apóstolo de Cristo, de fato, não tinha sua própria ladainha. E assim, ele se inspirou para fazer a composição, entregou-a para a irmã Regina, e a obra foi adotada nas missas da comunidade católica na Madre Deus.

Passada mais de uma década desse acontecimento, Wellington Reis assistindo a uma missa campal, do dia 29 de junho, dia de São Pedro, também na capela da Madre Deus, percebeu os acordes da ladainha que compusera. Os fiéis estavam rezando aquela ladainha, embora com alguns trocadilhos, aqueles versos que ele havia composto para São Pedro. A partir daí, o desejo de fazer o registro desse trabalho se concretizou e novas inspirações foram acontecendo.

Com a pandemia, nos últimos dois anos, Wellington Reis enveredou-se na produção criativa em contraponto ao isolamento social. E um conjunto de coincidências favoráveis surgiram. Os amigos da vida e arte foram sendo convocados, e cada faixa começou a ser gravada no Estúdio G7, com arranjos de Gordo Elinaldo e Wellington Reis, resultando no CD “Ladainha e Canções à São Pedro”. A obra traz participações especialíssimas de grandes compositores como Cesar Teixeira, Luís Bulcão e Zé Pereira Godão e o auxílio luxuoso dos intérpretes da Cia. Barrica, Inácio Pinheiro e Roberto Brandão, além de Gabriel Melônio, Sebastião Cardoso, Arthur Santos e Claudio Pinheiro.

Duas composições de Wellington Reis abrem o disco, a ladainha de São Pedro que recebeu a interpretação de um jovem cantor e compositor, já considerado uma das promessas para a galeria dos grandes artistas, criado em berço madre-divino, Arthur Santos. Seguida de “Hino à São Pedro” cantado por Sebastião Cardoso, que além de cantor, é um grande pesquisador de Cultura Popular, antropólogo, especialista em Religiões Afro-brasileiras.

O CANTOR E COMPOSITOR WELLINGTON REIS FAZ A JUSTA HOMENAGEM MUSICAL A SÃO PEDRO

A terceira faixa do disco é uma grata surpresa, em dose dupla, pois, é uma composição de Cesar Teixeira, exclusiva, que recebe uma interpretação do icônico Claudio Pinheiro, que já havia se despedido dos palcos para dedicar-se a outra área profissional, mas tocado pelo pertencimento fez essa exceção e registrou seu canto divino nessa canção. “Guardiões da Aurora da Vida” de Herbeth de Jesus Santos, Zé Pereira Godão e Luís Bulcão vem na voz de Inácio Pinheiro da Cia. Barrica; “Festa da Rampa Velha”, de Luís Bulcão, recebe a interpretação de Gabriel Melônio; Roberto Brandão dá vida a “Procissão de São Pedro” de Zé Pereira Godão; “Nova Rampa” recebe a interpretação do seu próprio autor, Arthur Santos, e finalizando Wellington Reis canta “Kepha” de autoria dele.

“Eu não cantei, eu rezei essa música! Rosas para São Pedro! Rosas para Cesar Teixeira! Rosas para Wellington Reis! Gratidão por poder emprestar a voz a essa oração”, revela o cantor Cláudio Pinheiro.

O CD “Ladainha e Canções à São Pedro” tem produção independente, gerado através de recursos próprios do autor, e tem caráter beneficente. O propósito é fazer com que essas músicas possam circular nos mais diversos espaços, com distribuição nos canais de comunicação, principalmente, nas rádios do Maranhão.

Todo a renda atribuída com a venda do CD (R$ 20) será 100% destinada às ações sociais da Paróquia da Capela de São Pedro, Madre Deus. Na Capela de São Pedro, o CD pode ser comprado às quintas-feiras, das 18h30 às 20h, e aos domingos, às 8h da manhã.

“Esse é um trabalho de valorização que ramifica a Cultura e a Religiosidade. Em se tratando da religiosidade, Wellington Reis traduz em seu CD, músicas em homenagens a São Pedro, que já vem de alguns anos, oito anos, mais ou menos, sendo louvada, e agora, com certeza, consagrada. Tenho gratidão por tudo o que está sendo alcançado. Louvada nos festejos de São Pedro, especial a ladainha tem uma letra de riqueza ímpar”, avalia Regina Soeiro, coordenadora da Igreja de São Pedro.

É no largo da Capela de São Pedro, na Madre Deus, que acontece o ápice da temporada junina em São Luís do Maranhão. É o maior encontro popular dos mais variados grupos de bumba-meu-boi, sobretudo, de sotaque da Ilha e Zabumba, que, por devoção pedem a benção de São Pedro, no amanhecer do dia 29 de junho.

SAIBA MAIS

Em São Luís do Maranhão, as ladainhas fazem parte das celebrações do calendário religioso cristão, assim como na grande maioria das programações dos festejos de Cultura Popular, exemplo, o do Divino Espírito Santo e de São Benedito. Os devotos também costumam pagar suas promessas para Santo Antônio, São João e São Pedro saudando-os com ladainhas durante a temporada junina. As ladainhas estão entre as orações mais importantes do Catolicismo. É uma espécie de prece litúrgica que obedece a uma estrutura clássica na forma de curtas invocações a Deus, a Jesus Cristo, à Virgem, aos santos, e são recitadas pelo celebrante, se alternando com as respostas da congregação (fiéis e/ou religiosos).

SOBRE O AUTOR – Wellington Reis é cantor, compositor e gestor cultural. Em parceria com José Ignácio produziu o disco “Sotaque Maranhense na Arte de Cozinhar, recebendo inúmeros prêmios, inclusive, internacionais como o “CD mais criativo de Culinária no Mundo”. É autor da marchinha carnavalesca “O Gaguinho” de estrondoso sucesso, e fundador do bloco “Os Vagabundos do Jegue”.

DEPOIMENTOS:

“Esse é um trabalho de valorização que ramifica a Cultura e a Religiosidade. Em se tratando da religiosidade, Wellington Reis traduz em seu CD, músicas em homenagens a São Pedro, que já vem de alguns anos, oito anos, mais ou menos, sendo louvada, e agora, com certeza, consagrada. Tenho gratidão por tudo o que está sendo alcançado. Louvada nos festejos de São Pedro, especial a ladainha tem uma letra de riqueza ímpar”.

Regina Soeiro – Funcionária pública estadual, coordenadora da Igreja de São Pedro.

AGENDA

CD “Ladainha e Canções à São Pedro” – Wellington Reis e participações especiais.

Preço: R$ 20.

Vendas: Capela de São Pedro, Madre Deus.

Ou pelo WhatsApp: (98) 98773-3455 (Regina).

Mais informações: @wellington.reisdusreis.

FICHA TÉCNICA

Nome: Ladainha e Canções à São Pedro

Produção Executiva / Direção Artística: Wellington Reis

Estúdio de Gravação: Estúdio G7

Arranjos Musicais: Gordo Elinaldo e Wellington Reis

Mixagem e Masterização: Gordo Elinaldo

Projeto Gráfico: Wellingtonreissotaque

Design Gráfico: Caoca

Cantoria e Músicos:

Arthur Santos, Claudio Pinheiro, Inácio Pinheiro, Gabriel Melonio, Roberto Brandão, Sebastião Cardoso e Wellington Reis. Vocal: Arthur Santos, Elisangela Mendonça e Mariana Rosa. Cordas: Gordo Elinaldo. Baixo Elétrico: Wyllian D’Ávila. Acordeom e Teclado: Rui Mário. Metais: Sax Alto, Flauta Transversa e Clarinete (Ricardo Mendes); Trompete (Santana); Trombone (Karol du Trombone); Part. Especial no samba: Bigorna (Trompete). Percussão: Danilo Melo, Lambau, Marquinhos “Xaréu” e Renato Martins.

           Músicas:

  1. Ladainha de São Pedro (Arthur Santos)

(Wellington Reis)

  • Procissão de São Pedro (Roberto Brandão) BRGOH0400012

(Zé Pereira Godão)

  • Festa da Rampa Velha (Gabriel Melônio)

(Luís Bulcão)

  • Guardiães da Aurora da Vida (Inácio Pinheiro)

(Herbert de Jesus Santos/Zé Pereira Godão/Luís Bulcão)

  • Hino à São Pedro (Sebastião Cardoso)

(Wellington Reis)

  • Nova Rampa (Arthur Santos)

(Arthur Santos)

  • Simão Pedro (Wellington Reis)

(Wellington Reis)

  • Rosas Para São Pedro (Claudio Pinheiro)

(Cesar Teixeira)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *